Personal tools
Você está aqui: Página Inicial / Defesa de Tese- Rubem Borges

Defesa de Tese- Rubem Borges

COM GRANDES PODERES, VÊM GRANDES RESPONSABILIDADES: um estudo etnometodológico sobre o leitor e a leitura de histórias em quadrinhos de super-heróis da Marvel e da DC Comics.
Quando 06/12/2017
das 14:00 até 17:00
Onde Sala 1000 ECI/UFMG
Participantes Prof. Ligia Maria Moreira Dumont (UFMG)
Prof. Waldomiro de Castro Santos Vergueiro (ECA/USP)
Prof. Marcio de Vasconcellos Serelle (Pucminas)
Prof. Carlos Alberto Ávila Araújo (ECI/UFMG)
Prof. Cláudio Paixão Anastácio de Paula (ECI / UFMG)
Prof. Edna Gomes Pinheiro (UFPB) - suplente
Prof. Alessandro Ferreira Costa (ECI/UFMG) - suplente
Adicionar evento ao calendário vCal
iCal

Analisa, apresenta e discute as experiências de leitores brasileiros e norte-americanos quanto às histórias em quadrinhos de super-heróis da Marvel e da DC Comics. Através da leitura desses quadrinhos, o leitor é exposto a uma gama variada de ideias e informações, as quais levam a uma contínua reorganização e interiorização de conhecimentos. Tal leitura é considerada como fonte e forma de apropriação de informação e de introjeção do conhecimento. A pesquisa objetiva contemplar e interpretar as concepções desses quadrinhos por parte de ambos os públicos, brasileiro e norte-americano, assim como identificar os contextos, sentidos e motivações que eles apresentam para efetivar e prosseguir com essa leitura, inclusive durante sua vida como adultos. Para tanto, se recorre a articulações entre estudiosos e teorias que fornecem condições para se proceder as investigações quanto ao leitor de histórias em quadrinhos de super-heróis e a introjeção do conhecimento adquirido por meio desta leitura, como as de Garfinkel (1963), cujo princípio da etnometodologia permite se contemplar o senso comum e as referências de sentido e de significado estabelecidas pelo leitor; Geertz (1978) com o estudo cultural que permite o acesso a elementos que influenciam o leitor dentro de seu contexto social; Schechner (1998), que trabalha a antropologia dos eventos performáticos, onde define a interpretação das performances, aqui entendidas como o ato de ler, pelo viés não somente do entretenimento, mas também da eficácia, a qual é capaz de gerar significativas repercussões junto a um ou mais indivíduos diante da leitura empreendida e da interpretação do que foi lido; Iser (1996-1999) com a ficcionalização, que ressalta a importância do leitor como o indivíduo consciente do valor e do significado da leitura, graças a sua capacidade de reelaborar a leitura através de reflexões estabelecidas junto a sua realidade, e Dumont (1998), a qual defende a recriação da leitura pelo leitor, que é a capacidade desse indivíduo de empregar um ou mais conteúdos obtidos através da leitura empreendida, como a dos quadrinhos, em um ou mais aspectos de sua vida. A metodologia recorre ao emprego da observação participante e da entrevista, bem como do conceito de história de vida tópica, para fornecer subsídio ao percurso metodológico da pesquisa qualitativa. Destaca a necessidade da Ciência da Informação de valorizar os estudos voltados para a compreensão do leitor, sobretudo os que permitem entender que a capacidade de interpretação de conteúdos presentes em um texto ou história ocorre também quando esse leitor evoca sentimentos, fatos e eventos retratados na leitura os quais possam ser por ele introjetados por meio de interpretação e reflexão, sobretudo junto a acontecimentos ocorridos em  sua própria vida.

Localização

Av. Antônio Carlos, 6.627 - Belo Horizonte, MG - CEP 31.270-901

Fone: (31) 3409-5207
Fone: (31) 3409-6103

ppgci@eci.ufmg.br

Links

This is Schools Diazo Plone Theme